ipad_7polegadasb

Apple não quer perder a fatia dos tablets de tamanho médio, como o Nexus, o Galaxy 7 e o Kindle Fire

Projeção de como deverá ser o iPad 7. Fonte: InventHelp

Os “rumores” sobre novos produtos da Apple quase sempre aparecem nos mesmos lugares. Em algum site asiático ou através de um fornecedor “traira”.

Até já ficou chato falar qual foi a fonte. Então vamos direto ao assunto: o novo iPad vai ter 7,85 polegadas e a ideia da Apple é oferecer um tablet enxuto, leve.

Dessa forma, estaria descartada a tela retina display, que pede uma bateria mais parruda.

Apple acorda

O maior problema da empresa, hoje, é o seguinte: perto dos concorrentes os dispositivos da Apple estão cada vez mais pesadões e com design cada vez mais ultrapassado.

Pena, mas pelas fotos que vazaram pela internet parece que o desenho do novo iPad vai mesmo seguir o desenho do irmão maior de 9,7 polegadas.

Mesmo sem a tela retina display, a densidade de pixels por polegada não ficaria ruim: são 1024 × 768 pixels a 163 PPI – a mesma dos primeiros iPhones e iPod Touchs.

Segundo o site especializado 9to5Mac, o iPad 7 vai ser como um iPod grande, com molduras menores ao longo das laterais (no modo retrato, na vertical) e botões de volume separados.

Outros sites afirmam que ele seria um iPad 2 menor.

Eu apostaria nesta segunda previsão: com molduras maiores. Afinal, tirando os smartphones, quase todos os demais dispositivos touchscreen pedem uma área de apoio para os dedos.

Detalhes: microfone traseiro e controle de volume “duplo”

 

Molduras menores, como no iPod Touch? Pouco provável

 

Desenho final deve ser mesmo igual ao iPad. Só que bem mais fino

Nexus, o inimigo

Bem, mas o que interessa mesmo é a estratégia da Apple. Ela precisa marcar presença no segmento dos tablets de 7 polegadas. Mesmo que esta fatia não corresponda a um volume de vendas expressivo.

Seus maiores rivais, o Kindle Fire, os Galaxy 7 e – principalmente – o novo Nexus do Google, avançam sozinhos. Sem contar outros fabricantes, como a Toshiba, com o seu Thrive 7.

Para alcançar uma vantagem que seja percebida pelo consumidor, a Apple já tem o melhor sistema operacional (o iOS) e a melhor loja de aplicativos (a App Store).

Agora precisa “encantar” o consumidor mais uma vez. Oferecendo, pelo menos, um dispositivo melhor do que o Nexus.

Tela maior, mais leve, mais fino, com uma câmera (o Nexus e o Kindle Fire não têm). E com um preço perto dos 200 dólares.

Mas a maior vantagem que eu percebo na Apple  em relação aos seus rivais de 7 polegadas é a sua distribuição. Enquanto o Nexus e o Kindle Fire são oferecidos apenas em alguns países, a Apple tem lojas próprias instaladas ao redor de todo o mundo. E não restringe o acesso dos usuários de fora dos EUA à sua loja de aplicativos, como fazem hoje o Google e a Amazon.

Aguarde o próximo capítulo, com o vazamento de novas informações. Processador, RAM, etc…

///

Paz

J Paz Filho - Sou jornalista, trabalho na produção de conteúdo editorial e na criação, desenvolvimento e manutenção de websites - incluindo e-commerce. Tenho especialização em design gráfico na Unisinos e já fui editor de mais de uma dezena de jornais e revistas especializados. Faça um orçamento enviando uma mensagem no contato; ou por email.