iphone5s

Certezas e chutes sobre o lançamento do novo iPhone 5S

Por fora, apenas uma discreta mudança em relação ao modelo atual: novas cores champagne/ouro e grafite, além dos já tradicionais preto e branco.

Por dentro sim, modificações mais radicais. Pelo menos em maior número do que aconteceu no upgrade do iPhone 4 para o iPhone 5.

O novo modelo virá com um chipset 30% mais rápido, no comparativo com o processador atual, o A6.

Talvez não seja ainda o A7, mas um A6 turbinado com um processador gráfico quad-core.

Não é uma grande evolução, se compararmos com o salto de 100% entre o processador A5 e o A6, do atual iPhone 5.

A câmera deverá receber melhorias e a mais óbvia é o aumento no número de pixels. De 8 megapixels do iPhone 5, para 12 megapixels.

iphone5s

Design muda, mas só no sistema operacional

O iOS é um sistema que deu tão certo que praticamente nunca precisou de grandes mudanças.

Mas com uma tela com maior qualidade, os técnicos da Apple viram que também era hora para dar uma caprichada no layout.

O iOS 7 nem é mais uma novidade: já foi apresentado no WWDC 2013.

Uma das principais inovações está na função multitarefa que permite a visualização, na tela, de vários aplicativos abertos simultaneamente.

Dedo na tela? Por enquanto, só especulação

Ainda é só um chute a inclusão de um leitor de impressões digitais — para desbloqueio de tela.

Uma novidade que seria muito bem vinda, principalmente no mercado brasileiro, por razões óbvias de segurança.

Entre todas as especulações, este recurso é o menos provável.

Seria um problemaço para a Apple ver uma enxurrada de reclamações de usuários que não conseguem desbloquear a tela de abertura dos seus iPhones.

Tela não muda

Uma tela maior também não chega desta vez. Esta é a carta na manga da Apple para o próximo iPhone 6.

Só a próxima geração dos modelos iPhone, a ser lançada em 2014, deverá ter uma tela com tecnologia IGZO, da Sharp, que permite a redução da espessura do aparelho, além de exigir menor consumo de energia.

Por tudo isso, o iPhone 6 — além de uma tela maior — será mais leve e mais fino, se aproximando então do design dos smartphones da Samsung.

Afinal, a Apple não quer mais perder espaço no mercado, principalmente na China, que consome perto de 30 milhões de smartphones por mês.

///

Paz

J Paz Filho - Sou jornalista, trabalho na produção de conteúdo editorial e na criação, desenvolvimento e manutenção de websites - incluindo e-commerce. Tenho especialização em design gráfico na Unisinos e já fui editor de mais de uma dezena de jornais e revistas especializados. Faça um orçamento enviando uma mensagem no contato; ou por email.