ipad2

Exclusivo: os segredos do iPad2

Não há como negar: os tablets estão tomando conta do mercado.

Mas vamos devagar. A tecnologia é algo que facilita a nossa vida (ou deveria) mas está havendo um certo exagero também.

O hiper esperado lançamento do iPad 2 é um destes acontecimentos que já estão enchendo a paciência. Mais uma vez a Apple e suas ações de email-marketing, hotsites e outros blá, blá, blás.

Pensem comigo: os aparelhos da Apple não são baratos. Aí você se esfola para ter um deles e menos de um ano depois a empresa lança um novo modelo, com algumas novas funções.

Em todo caso, ainda é cedo para se afirmar que não haverá grandes mudanças.

Novidades? Talvez o preço… mas a Apple pode surpreender

Especula-se que o iPad 2 não deva ter nenhuma grande novidade, e que muitas delas serão inspiradas nos seus concorrentes diretos: uma câmera, video-conferência (ou qualquer outro nome que se quiser dar para isso), maior “potência”, mais acessórios (um suporte de mesa mais aprimorado do que o atual, talvez).

Na avaliação de algumas publicações especializadas as principais mudanças poderiam ser:

  • Um iPad 2 mais leve e mais fino. Especula-se que a Apple vai utilizar um vidro de tela mais fino e um painel contendo fibra de carbono.
  • Mais memória: os iPads atuais vem com 16GB, 32GB e 64GB. Não seria improvável uma memória de 128GB.
  • Rumores iniciados já em agosto do ano passado afirmam que a Apple iria introduzir um giroscópio de três eixos — mais uma boa notícia para desenvolvedores de jogos.
  • Na lista de desejos dos applemaníacos está certamente o retinal display — já presente nos novos iPhone e iPod — com maior resolução e aprimoramentos na apresentação das imagens. Isto certamente lançaria o iPad em direção aos e-readers.
  • Mas este acréscimo “rouba” recursos da bateria em uma tela bem maior que seus irmãos menores. O que deve acontecer é uma redução no brilho da tela, para melhorar sua visualização sob luz natural intensa.
  • E mais óbvio: uma câmera frontal, inexplicavelmente ausente no iPad 1. Seria também uma ótima oportunidade para os desenvolvedores criarem novas opções.
  • Quando ao preço, parece improvável que a Apple faça alguma concessão como líder de mercado. Mas se você não dá tanta importância em ter uma câmera frontal, talvez seja a hora para obter bons descontos com o iPad 1.

E eu torço para não precisar assistir mais uma vez alguma matéria na tv mostrando os consumidores da Apple, dormindo na frente de alguma Apple Store, com uma entrevista exclusiva do primeiro da fila.

Bom, depois de ter redigido este artigo me deparei com uma notícia postada no site da Apple: um repórter da agência de notícias Reuters teria flagrado um protótipo do iPad 2 em um evento.

Segundo a matéria, o novo aparelho tem uma câmera frontal. Então tá.

Confira este vídeo feito pelo site norueguês Itavisen com todas as novas funções revolucionárias do iPad2 – um “furo” espetacular de reportagem.

Muuuuuuuuuuito bom.

 

///

Paz

J Paz Filho - Sou jornalista, trabalho na produção de conteúdo editorial e na criação, desenvolvimento e manutenção de websites - incluindo e-commerce. Tenho especialização em design gráfico na Unisinos e já fui editor de mais de uma dezena de jornais e revistas especializados. Faça um orçamento enviando uma mensagem no contato; ou por email.

  • Milena

    Pelo amor de DEUS, me ajudem… A camera principal do meu Ipad2 é péssima, é normal isso? Tem como configurar? Estou muito triste, pq todas que eu vejo são muuuito melhores que a minha. POR FAVOR ME AJUDE!!! Obrigada, Milena.

    • Paz

      Milena, más notícias: o iPad 2 tem uma câmera péssima mesmo.
      Não tem como configurar por que a qualidade de uma câmera depende 99% da sua lente e da sua resolução (número de pixels por polegada).

  • Cristina

    O iPad foi lançado no mês de Abril de 2010 e em dois meses vendeu 3 milhões de unidades. Este produto dominou rapidamente 22% do mercado de tablets segundo Steve Jobs. Até Dezembro de 2010 a Apple já tinha vendido mais de 15 Milhões de iPads, cerca de 85% do mercado de tablets.

    Antes do lançamento do iPad2 em 11 de Março de 2011, o iPad já detinha 90% deste mercado. No mês de Junho de 2010 a Apple disponibilizou o Sistema Operacional iOS4 e iBookstore que beneficiou imediatamente cerca de 50 milhões de pessoas.O iPad revolucionou para sempre o mercado de eBook e mudou também a forma de comprar, vender e de ler livros.
    Há três Lojas da Apple onde você pode adquirir produtos: iBooks, Loja Apple, e iTunes

  • Pereira

    Caro e Barato são coisas relativas. Eu tenho um Sony Vaio que a bateria não passa de 3 horas de trabalho. Fazendo as mesmas coisas um MacBook suportava mais de 4 horas. Fora a questão da experiência de uso do MacOS. Mas infelizmente, para engenharia (minha área), um computador da Apple é muito limitado (softwares e drivers).

    Com relação ao iPad, o que esperar de um produto que lançou o mercado? Que só fosse atualizado depois de dois/três anos?

  • Lucasmr

    Concordo, a Apple faz produtos top mas deve cuidar um poucos mais na hora de colocar no mercado seus novos lançamentos.
    Acabei de comprar um iPod Touch e não seu quando ele já vai ficas defasado.
    Mas ainda acho a Apple melhor, principalmente nos gráficos e programas.

  • Cristina

    O iPad foi lançado no mês de Abril de 2010 e em dois meses vendeu 3 milhões de unidades. Este produto dominou rapidamente 22% do mercado de tablets segundo Steve Jobs. Até Dezembro de 2010 a Apple já tinha vendido mais de 15 Milhões de iPads, cerca de 85% do mercado de tablets.

    Antes do lançamento do iPad2 em 11 de Março de 2011, o iPad já detinha 90% deste mercado. No mês de Junho de 2010 a Apple disponibilizou o Sistema Operacional iOS4 e iBookstore que beneficiou imediatamente cerca de 50 milhões de pessoas.O iPad revolucionou para sempre o mercado de eBook e mudou também a forma de comprar, vender e de ler livros.
    Há três Lojas da Apple onde você pode adquirir produtos: iBooks, Loja Apple, e iTunes

  • Pereira

    Caro e Barato são coisas relativas. Eu tenho um Sony Vaio que a bateria não passa de 3 horas de trabalho. Fazendo as mesmas coisas um MacBook suportava mais de 4 horas. Fora a questão da experiência de uso do MacOS. Mas infelizmente, para engenharia (minha área), um computador da Apple é muito limitado (softwares e drivers).

    Com relação ao iPad, o que esperar de um produto que lançou o mercado? Que só fosse atualizado depois de dois/três anos?

  • Lucasmr

    Concordo, a Apple faz produtos top mas deve cuidar um poucos mais na hora de colocar no mercado seus novos lançamentos.
    Acabei de comprar um iPod Touch e não seu quando ele já vai ficas defasado.
    Mas ainda acho a Apple melhor, principalmente nos gráficos e programas.