melhores_tablets_2011

Os melhores tablets de 2011

Existem muitas listas de melhores espalhadas pela web. As mais conhecidas são as listas das revistas especializadas norte-americanas, como as da Wired, PC World, PC Mag, etc.

O problema é que estas seleções quase sempre são feitas por alguns poucos editores que, muitas vezes, só escolhem produtos made in USA.

Eu decidi buscar pelos tablets mais elogiados pelos consumidores, através dos comentários postados nos maiores sites de vendas.

iPad 2

Depois de quase dois anos do lançamento do iPad (3 de abril de 2010), os concorrentes ainda não conseguiram convencer os consumidores a comprarem um dispositivo que não seja o tablet da Apple.

A liderança folgada da empresa neste mercado tem uma explicação: investimento em design, tecnologia e marketing.

E, ao contrário do que manda os modelos empresariais, a Apple não fica presa a pesquisas. Ela se antecipa aos usos do consumidor.

Além de um bom produto, vendido a um preço razoável, o iPad 2 tem o melhor sistema operacional e uma quantidade de aplicativos infinitamente maior do que o principal concorrente, o Android, usado na maioria dos outros tablets.

O que dizem os usuários (comentários enviados por usuários ao site de vendas Amazon):

Prós

Nossa família tem dois tablets: um iPad 2 e um Xoom. Para nós, o iPad2 é o vencedor. O Xoom ficou na prateleira e eu acho que ele não foi usado mais do que uma semana até agora. Já o iPad2 está sendo usado todos os dias e continua a ser um grande sucesso. O principal problema com o Xoom é a falta de aplicativos para tablets.

Um dispositivo eletrônico realmente maravilhoso para consumo de mídia. Isso provavelmente vai mudar à medida que mais aplicativos focados na geração de conteúdo sejam criados.

Contras

O iPad 2 é realmente um ótimo brinquedo, mas não mais do que isso. Eu possuo um wi-fi com 32 GB. Até mesmo um Netbook é uma escolha melhor por um terço deste preço. O teclado e a conectividade com o ambiente “real” faz falta. Para leitura de livros o Kindle é muito melhor. É o dispositivo perfeito para a navegação casual.

Toshiba Thirve

Uma das maiores reclamações dos usuários de tablets é a falta de slots (portas) para USB, cartões SD, HDMI, etc.

A Toshiba percebeu esta brecha. E também acabou provando que ser o “mais leve e mais fino” já não é a principal motivação de compra.

Ao contrário, o Thrive tem uma “cara de mau”, o que o faz parecer mais forte. Muito em função do uso de uma superfície emborrachada e maior espessura.

O que dizem os usuários:

Prós

A tela é melhor que o Xoom, mas não tão boa como a da Samsung (na minha opinião) e parece ser melhor, com maior qualidade e maior resolução. Reproduziu perfeitamente as fotos da minha Canon digital.

A precisão de cor é excelente, não apenas na saturação como nos outros tablets. A resposta da tela é rápida. Executei um teste de multitouch e ele reconheceu quatro pontos de contato separados simultaneamente.

Contras

Após um mês de uso notei que a tela estava descolando em duas extremidades. O dispositivo nunca caiu ou teve qualquer dano físico no seu uso. Quando liguei para o apoio da Toshiba eles disseram que este é um dano físico e que não é coberto pela garantia.

Esta situação tirou a minha confiança no Thrive e quero avisar qualquer outra pessoa sobre este problema.

Kindle Fire

O lançamento mais esperado do ano. Ao contrário do que muitos imaginavam ele não veio para concorrer diretamente com iPad. Pelo menos nos recursos oferecidos.

O Kindle Fire, da Amazon, é um 7 polegadas, não tem câmeras e oferece um armazenamento de “apenas” 8GB.

Pelo preço (199 dólares) ele retorna cada centavo investido. Pena que (ainda) seja um dispositivo voltado para o mercado norte-americano pois roda um Android personalizado, ligado à imensa biblioteca de livros e músicas da Amazon.

O que dizem os usuários:

Prós

Como um fã de longa data do Kindle eu estava ansioso para receber o meu Fire. Aí descobri que ele faz o que eu queria, ou seja é um dispositivo que eu posso levar para qualquer lugar.

Ele tem ótimos recursos, os aplicativos de leitura são na maioria excelentes (embora não sem falhas), a experiência com a loja de aplicativos foi fantástica. O dispositivo é rápido e na maioria das vezes simples de usar, graças aos serviços que a Amazon oferece.

Contras

A primeira coisa e o mais importante que deve ser dito sobre o Kindle Fire é que ele não é um “iPad-killer”. Não foi projetado para isso. Se você está esperando um iPad, ou mesmo um tablet com muitos recursos, você vai ficar desapontado.

O principal objectivo deste dispositivo é entregar conteúdo Amazon para você de forma mais eficaz. Ele é projetado para o consumo e não para criação. Essa é a razão por ser tão barato e por isso a Amazon chega a perder dinheiro com ele. Eles esperam compensar essa perda através da venda de vídeos, música, livros e aplicativos através de serviços web da Amazon.

Motorola Xoom

Nenhuma outra empresa teve a coragem de lançar um tablet para concorrer diretamente com o iPad. A Motorola foi a primeira.

O Xoom tem um acabamento de primeira, é veloz e vem com uma tela melhor do que o iPad 2, pelo menos para quem gosta de rodar vídeos e games.

Mas roda o Android, um sistema operacional que precisa de aprimoramentos. Como todo sistema operacional novo.

Em agosto o Google comprou a divisão de dispositivos móveis da Motorola. Isso pode representar um sistema operacional atualizado (Android) e mais investimentos para o Xoom.

O Blog do Paz foi o único site especializado brasileiro a anunciar que um novo Xoom seria lançado ainda em 2011. E acertou.

O que dizem os usuários:

Prós

Qualidade de construção, grande flexibilidade, ótimas câmeras frontal e traseira, tem GPS e até mesmo um barômetro.

A exibição de tela é muito agradável. E não é necessário utilizar o iTunes para configurá-lo e usá-lo.

Contras

A tela é um imã de impressões digitais. Não é tão fácil para usar como o iPad. Não tem muitos aplicativos disponíveis. Se você tem um iPhone e gosta dele, vai achar o iPad 2 melhor.

Le Pan

No Brasil ele é praticamente desconhecido. Mas vende como água em sites como o Amazon.

A sua principal arma está no custo-benefício. Por 220 dólares você compra um tablet com 9.7 polegadas, com processador de 1GHz e tela capacitiva multitoque com resolução de 1024 x 600 pixels.

O que dizem os usuários:

Prós

O Le Pan 970 é um excelente tablet Android. É extremamente sensível ao toque; em nenhum momento tive problema com ele.

Esteticamente ele é muito agradável e elegante; também é fino e leve. A qualidade de construção é muito boa, comparável aos tablets mais caros.

O Le Pan não tem um processador Tegra, mas pelo que tenho visto ele não precisa disto, pois roda aplicativos, jogos ou vídeos ou qualquer outra coisa.

Contras

Conector proprietário. A tela atrai muitas impressões digitais. Também achei a tela brilhante demais. Vem com pouca memória RAM e falta uma capacidade de armazenamento maior.

Samsung Galaxy

A coreana Samsung fez de tudo para ganhar uma parcela do mercado dos tablets, amplamente dominado pela Apple.

Para isso apostou na linha Galaxy e no lançamento de vários modelos. A começar pelo seu primeiro tablet, o Galaxy Tab, de 7 polegadas.

Depois vieram, pela ordem, o 8.9″, o 10.1″ e o 7.7″. Desses, a maior aposta da Samsung é o modelo 10.1″, pensado para ser o concorrente direto do iPad 2.

De todos, o Galaxy Tab de 7 polegadas foi o que mais deu certo. Mas atenção: no final do ano foi lançado um modelo com menos recursos e, obviamente, com um preço menor.

O que dizem os usuários:

Prós

Não queria começar por um dispositivo descartável e isso definitivamente ele não é. Este tablet provavelmente oferece muito mais do que eu preciso (pelo menos até agora).

Contras

A nitidez de imagem não é totalmente ruim, mas poderia ser melhor. O botão de energia está mal posicionado e você tende a pressioná-lo acidentalmente.

Além disso, por não ter uma boa “pegada”, ele já caiu da minha mão duas vezes.

///

Paz

J Paz Filho - Sou jornalista, trabalho na produção de conteúdo editorial e na criação, desenvolvimento e manutenção de websites - incluindo e-commerce. Tenho especialização em design gráfico na Unisinos e já fui editor de mais de uma dezena de jornais e revistas especializados. Faça um orçamento enviando uma mensagem no contato; ou por email.

  • Dayane

    gostaria de saber qual a melhor tablet para comprar e queria saber se ele pega internet.

    • Paz

      Dayane, o melhor tablet é aquele que atende às suas necessidades.

  • Dayane

    gostaria de saber qual a melhor tablet para comprar e queria saber se ele pega internet.

    • Paz

      Dayane, o melhor tablet é aquele que atende às suas necessidades.

  • Marcos Aurelio

    Gostei muito do Blog! Obrigado por esclarecer muitas dúvidas.
    Dúvida cruel, Xoom ou iPad2 ? Depois de ver o preço do Motorola na Fast, nesta data, a R$ 1.077,58 (à vista), não resisti. Também vi no site que já tem atualização para o Android 3.1. Creio que o custo-benefício será bom.

  • Marcos Aurelio

    Gostei muito do Blog! Obrigado por esclarecer muitas dúvidas.
    Dúvida cruel, Xoom ou iPad2 ? Depois de ver o preço do Motorola na Fast, nesta data, a R$ 1.077,58 (à vista), não resisti. Também vi no site que já tem atualização para o Android 3.1. Creio que o custo-benefício será bom.