ouya_console

OUYA, um console que pretende revolucionar o mercado de games

A proposta dos criadores do Ouya (pronuncia-se ÓIA) não é nada modesta: oferecer um novo tipo de console.

Resumidamente, como diz a própria empresa, o Ouya é um novo console para a TV, alimentado por Android (versão 4.0).

Para começar, ele vem com um processador Tegra3 quadcore, 1GB de RAM, 8GB de memória Flash e conexão HDMI de 1080p.

O controle é sem fios, com dois sticks analógicos, um D-pad, oito botões e um touchpad.

O preço talvez compense. Por 109 dólares você leva o console e um controle.

Jogos serão “gratuitos”

Bem, a ideia é legal, o preço bacaninha, mas e os jogos?

Para isso a Ouya se associou à Kickstart, uma empresa sediada na Califórnia, no Vale do Silício, dedicada a divulgar novos projetos.

A empresa aposta todas as suas fichas nos criadores de games. A Ouya acredita que a maioria dos melhores desenvolvedores saíram da indústria dos games e estão agora produzindo aplicativos para o sistema Android. Assim, seria natural, para a Ouya, que eles ficassem interessados em criar para este novo console.

Por enquanto, confimado mesmo, apenas alguns títulos, como o Final Fantasy III.

Vai funcionar assim: para o usuário, todos os jogos serão “gratuitos”, mas apenas em versões demo, com restrições de atualizações, assistência, etc. E, é claro, é neste ponto que o criador também vai lucrar. Aliás. será o próprio desenvolvedor quem vai definir o preço de cada game.

Hackers são bem-vindos

Para quem gosta de fuçar, este parece ser o dispositivo ideal. A proposta é oferecer um aparelho “aberto”, para que o usuário adicione o periférico que quiser – ou puder – já que ele vem como uma porta USB.

Outra coisa bem legal é que qualquer um vai poder colocar mais memória, trocar chips, adicionar novos recursos.

Gostou? Mas, como falei no início, este é ainda um projeto. Que depende do dinheiro de novos usuários, dispostos a abraçar a ideia e desembolsar uma grana em uma pré-venda. E – principalmente – do interesse dos desenvolvedores.

Mesmo assim, a Ouya diz que pretende lançar o seu console em abril de 2013. Vamos esperar…

///

Paz

J Paz Filho - Sou jornalista, trabalho na produção de conteúdo editorial e na criação, desenvolvimento e manutenção de websites - incluindo e-commerce. Tenho especialização em design gráfico na Unisinos e já fui editor de mais de uma dezena de jornais e revistas especializados. Faça um orçamento enviando uma mensagem no contato; ou por email.

  • Bruno Bker

    Não, não!! prefiro ficar com o meu Xbox

    • Paz

      Ok, Bruno, mas são máquinas diferentes.

  • Bruno Bker

    Não, não!! prefiro ficar com o meu Xbox

    • Paz

      Ok, Bruno, mas são máquinas diferentes.

  • Jr

    não tem como comparar com os games profi.