panasonic_toughbook

Toughbook da Panasonic: o duro na queda

Não deve ser agradável ver um tablet se esborrachar no chão. Dependendo do ângulo da queda o vidro que envolve a tela vai quebrar.

A preocupação com a imagem de fragilidade da tela de alguns tablets é tão grande que a Apple Brasil chegou a demitir alguns estagiários, que, na versão da página brasileira, mostrava o iPad 2 como um dispositivo “levinho e fininho”. (Depois trocado para “mais leve, mais fino”).

Pensado para empresas, mas pode chegar ao consumidor comum

Já a Panasonic viu aí uma excelente oportunidade para roubar um pedaço das vendas de tablets, mirando nos consumidores que desejam um produto com robustez e durabilidade.

Seu tablet segue o mesmo conceito aplicado pela Panasonic em toda a sua linha Toughbook, composta principalmente por netbooks e PCs, vendidos para companhias de gás, petróleo, construção civil e todas aquelas que precisam de um dispositivo robusto.

“A grande maioria dos dispositivos tablet — independentemente do sistema operacional — são projetados para os consumidores e não oferecem níveis adequados de segurança e durabilidade ou a funcionalidade necessária para uso comercial,” declarou Rance Poehler, presidente da Panasonic Solutions Company. “Como todos os produtos Toughbook, nosso tablet Toughbook será projetado e construído para os usuários que precisam de um produto durável.”

Material de alto impacto

O tablet da Panasonic virá com uma tela de 10.1 polegadas, rodará o sistema Android e terá possivelmente  conexão 3G/4G. O visor difere de muitos tablets com Android. Em vez de uma tela TFT brilhante, o tablet Toughbook possui um display XGA, que, segundo a empresa, é mais fácil de visualizar sob a luz solar.

O “segredo” do Toughbook é a sua carcaça, composta de um material plástico de alto impacto, normalmente usado, por exemplo, em capacetes e para-choques de veículos.

A Panasonic ainda não deu todos os detalhes sobre o seu produto, como CPU, memória ou configurações de armazenamento. Mas já adiantou que pretende entregar um tablet com uma duração de bateria maior que a dos concorrentes.

O lançamento está previsto para o final deste ano.

///

Paz

J Paz Filho - Sou jornalista, trabalho na produção de conteúdo editorial e na criação, desenvolvimento e manutenção de websites - incluindo e-commerce. Tenho especialização em design gráfico na Unisinos e já fui editor de mais de uma dezena de jornais e revistas especializados. Faça um orçamento enviando uma mensagem no contato; ou por email.