Tabela comparativa

Samsung Galaxy 10.1 (Protótipo)Samsung Galaxy 10.1 (Final)
Peso599 gramas595 gramas
Espessura10,3 mm8,6 mm
Câmera Traseira8 megapixels5 megapixels
Cartão SDaté 32GBNão
USBNão
Saída HDMINão
Bateria10 horas

Depois de tantas mudanças e especulações a Samsung finalmente começa a produção de seu tablet. Com uma surpresa em relação à “versão” anterior e que você vai acompanhar logo a seguir.

O esforço para manter um preço igual ao iPad 2 e apressar o seu lançamento teve ter sido um quebra-cabeças para o pessoal da Samsung.

Mais estranho foi a Samsung ter feito, há dois meses, um pré-lançamento do Galaxy 10.1, bem diferente do produto final (veja na tabela acima). Aí você vai no YouTube e tem dezenas de reviews… com um tablet que… não será lançado. Vai entender.

E este Galaxy da foto é ainda uma edição especial e não está a venda. Ou seja, é o segundo modelo da Samsung antes de seu lançamento oficial em 8 de junho. Eu o considero como o modelo definitivo, a não ser que a Samsung cometa a loucura de entregar um tablet diferente (deste aí da foto). Mesmo assim não é garantido que os mascotes do Android, estampados na parte de trás, apareçam na versão final.

O que mais tem irritado os potenciais consumidores do Galaxy 10.1 é a falta de informações. Seria apenas uma estratégia da Samsung, ou simplesmente uma falha de comunicação?

Se for uma estratégia é uma das mais confusas que eu já vi antes do lançamento de um produto.

A empresa coreana priorizou o peso e a espessura, menores do que o iPad 2 é verdade, mas retirou portas USB e HDMI dedicadas, assim como as portas para cartões SD ou cartões SIM. Com isso o resultado foi decepcionante para aqueles que esperavam um tablet mais completo.

Ficou o mais fino (e mais leve) do mercado e talvez por isso é que esses recursos tenham sido sacados.

Para quem deseja brigar com a Apple por uma fatia no mercado dos tablets, essa decisão parece um pouco contraditória, além de abrir espaço para o Xoom, da Motorola.

Quanto a falta cartão SD: talvez a Samsung tenha percebido que não era necessário memória extra (ou apenas uma solução para reduzir o seu preço? Sabe-se lá!!)

Bem, pelo que foi dito, então não é possível ter uma saída HDMI para uma TV LCD de alta definição, por exemplo? A resposta é… não é bem assim… Já existem cabos para esta função, mas que são vendidos separadamente. Porque a Samsung não divulga isso? Isso eu também não sei responder…

O mesmo vale para o slot USB.

Até aqui estamos falando do modelo Wi-Fi. Mas especula-se que o modelo 3G venha com um cartão microSD e um slot SIM.

E o que não mudou

É claro, falei até aqui do que o Galaxy 10.1 poderia ter mas não tem. Isso não quer dizer que ele não mantenha as qualidades que fizeram este tablet chamar a atenção dos especialistas em tecnologia.

A começar por sua tela, considerada excelente na sua versão final. Assim como o desempenho, com velocidade suficiente para rodar filmes e jogos e navegar pela web.

Seu design realmente é tão bonito quanto um iPad, o que é um baita elogio na comparação com um Apple. E ao contrário do Xoom da Motorola, a Samsung teve o cuidado de colocar os botões de acesso nos seus devidos lugares, sem atrapalhar a movimentação dos dedos pela tela touchscreen.

Outro item importante em um tablet que não pode ser esquecido é o sistema de som, que no Galaxy 10.1 superou todas as espectativas. Eles ficaram nas laterais (ao contrário do Xoom) e o resultado só tem recebido elogios.

A duração da bateria, testada pelo site Engadget, ficou em 9h 55min, bem mais do que a capacidade do Motorola Xoom (8h 20min), e menor do que a do iPad 2 (10h 26min).

Comparativo protótipo x versão final

É meio esquisito mas vou fazer aqui um comparativo entre dois produtos dos quais apenas um foi lançado. Isso para desfazer algumas dúvidas que ficaram com o pré-lançamento da Samsung:

Este é mais um artigo sugerido pelos leitores deste Blog. Desta vez o Iuri pergunta sobre quais as portas (entradas, saídas, slots) do tablet da Samsung. Vou tentar responder da mesma forma com que escrevi este artigo sobre o iPad 2. Lembrando que não há por enquanto uma resposta definitiva sobre isso, já que a comunicação com outros dispositivos está ligada também aos recursos do sistema operacional:

J Paz Filho

J Paz Filho

Jornalista (PUC) /// Designer (Unisinos) /// Geek /// Produtor de conteúdo editorial ///Websites e e-commerce /// Editor de jornais e revistas
J Paz Filho