O governo federal deverá incluir os tablets no programa Minha Casa Melhor, um cartão de crédito à juros mais baixos do que praticado pela rede de varejo e exclusivo dos usuários do Minha Casa, Minha Vida.

Assim, um tablet de 550 reais poderia ser comprado em 48 vezes parcelas de 12,64 reais. Em 12 vezes o valor seria de 47,05 reais.

Atualmente, o cartão Minha Casa Melhor permite a compra de desktops e notebooks com valor até 1.150 reais, nas lojas credenciadas pela Caixa Econômica Federal.

Ainda não há uma previsão sobre a data da inclusão dos tablets no programa Minha Casa Melhor.

Tablets já vendem mais do que notebooks

Segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), o mercado de tablets já corresponde a 34,8 por cento das vendas do setor de computadores pessoais.

Os desktops ficam em segundo lugar, com 26,8 por cento. Entre abril e junho, foram vendidos 1,9 milhão de tablets contra 1,5 milhão de desktops.

J Paz Filho

J Paz Filho

Jornalista (PUC) /// Designer (Unisinos) /// Geek /// Produtor de conteúdo editorial ///Websites e e-commerce /// Editor de jornais e revistas
J Paz Filho